Palestra “O que o palhaço estuda?” – 28 de julho às 14h30

Palestra “O que o palhaço estuda?” – 28 de julho às 14h30

A arte do palhaço é uma descoberta e um encontro. O palhaço é uma faceta de nossa personalidade, afinal todos temos nossos desajustes. Algum dia de nossas vidas, pelo menos uma vez, alguém riu da nossa cara, da queda, do erro, da piada, com graça ou sem. Riram da nossa humanidade. Quais sesações guardamos, o que sentimos quando riem da nossa alma? O que em nós é risível? Onde está e como dar substância à dignidade ecistente nesse riso?

Cada pessoa pessui o seu próprio palhaço. A intensidade com que se demonstra isso é uma escolha pessoal, mas negar sua existência é desonesto conosco. Assim como estudar essa arte tão antiga e importante na história da humanidade é um ato de resistência e generosidade. O artista serve ao riso do outro pesquisando sua própria imperfeição.

Obviamente, são incontáveis escolas e linguagens, assim como essa relação “pessoa normal” vs “pessoa palhaço” possui suas controvérsias. Todavia, a pesquisa remete ao aprofundamento da noção de valores, em perceber o mundo com olhos apurados, onde ser ridículo é ser digno de riso, onde aceitar o julgamento é um instrumento para angariar empatia, onde errar é verdadeiramente humano. O palhaço tem como ferramentas seu corpo, seu raciocínio e sua emoção. Se mostra por inteiro, encontrando assim a identificação com seu público, pois realiza o sonho mais profundo de todos: conseguir ser autêntico em sua essência, poder se mostrar por inteiro.

Junte-se ao conteúdo da palestra, a história de vida dso palestrante. Silvestre Neto, é palhaço e há cinco anos perdeu os movimentos das pernas, continuou atuando, recuperou parte das suas capacidades e ainda se apresenta apesar da evidente dificuldade de locomoção. Agora o palhaço, além de tudo, demonstra resiliência. De que forma esse enlace se configura?

Mais que uma palestra, uma provocação à transformação.

Palestrante: Silvestre Philippi NetoFormado em Gestão da Informação, Palhaço, Gestor Cultural, Ator.

Data: 28 de julho – Horário: 14h30.

Local: Auditório H. Spencer Lewis

Rua Nicarágua, 2620 – Bacacheri -Curitiba -PR

Acesso: 1 kg de alimento não-perecível ou 1 produto de higiene.

Tags